Quinta-feira, 29 de Janeiro de 2009

#2.22 - ó Oscar!

               Vamos falar de Óscares. Por esta altura saem os nomeados, estreiam os filmes a concurso e começa a especulação de quem ganha o homenzinho erecto e dourado, mas por mais que se fale em prémios, nomes ou vestidos é importante as pessoas saberem o porquê desta escolhas. Eu explicarei porque são estes os nomeados, este ano. É favor pegar nos blocos de notas.

            Primeiro deixem-me dirigir este texto a todos aqueles que gostam de cinema mas preferem outras cerimónias aos Óscares, aqueles que dizem que é só espectáculo e que nunca ganham os que merecem. Vocês que gosta mais de Canne ou Berlin, de Globos de Ouro ou de Galas da TVI têm de perceber que todo e qualquer ajuntamento de profissionais de cinema para receber prémios que aconteça antes do último domingo de Fevereiro é pura e simplesmente preliminares. Os Óscares são o acto sexual e todo e qualquer evento antes é a brincadeira para aquecer o importante. Desenganem-se sobre a importância dos anteriores eventos porque senão passam por ejaculadores precoces e ninguém gosta disso.
            O grande nomeado este ano é “O curioso caso de Benjamin Button”. Com treze nomeações o filme de David Fincher conseguiu enganar toda a gente. Enquanto o público olha para os belos olhos do Brad Pitt ou para as esguias pernas da Cate Blanchett, não percebem que o filme é sobre pedofilia. Que outro ser humano detestável se teria interrogado como seria uma criança no corpo de um adulto ou um adulto no corpo de uma criança? Este ano é este o lobby. Depois do ano dos negros, seguido dos homossexuais, este ano a pedofilia ganhará o Óscar principal. Para o ano o lobby vencedor deve meter necrofilia ou Freeport’s.
            O segundo nomeado é o filme que dá pelo nome de “SlumDog Millionaire”. Como se não bastasse a natureza do filme de Fincher, este consegue ser racista. Vão-se buscar Indianos para fazer o filme e tratam-nos logo por “cães” no título. Este filme ao menos aponta as dificuldades no momento de pagar a Segurança Social, porque mesmo só com prémios de concursos de televisão é que conseguem pagar despesas médicas.
            Os restantes filmes não interessam a ninguém porque não têm nem nomeações suficientes nem efeitos especiais suficientes para nos levar ao cinema. São daqueles filmes que talvez aluguemos um dia quando nos cair aos pés numa qualquer Blockbuster. Há histórias de presidentes, homossexuais e um tema completamente original na corrida aos prémios, a Segunda Guerra Mundial. Finalmente se menciona no cinema esta importante época da nossa história. Estava a faltar na cinematografia mundial.
            Podem começar a discutir com os vossos amigos quem ganha e a combinar onde se juntam para ver a cerimónia. No entanto não se esqueçam de algumas coisas importantes: Avisem os patrões que vão ficar doentes na segunda-feira seguinte aos Óscares; Arranjem uma PS3 ou uma stripper Romena para quando forem os prémios técnicos, que não interessam a ninguém; e decorem pelo menos um vestido de uma actriz para conseguirem engatar alguém do sexo feminino no vosso emprego. Depois disto, que comece a grande noite. “And the Oscar goes to”…  
           
            Totalmente ocupado durante a noite de 22 de Fevereiro,
            Guilherme Fonseca
tags:
publicado por Guilherme Fonseca às 01:57
link do post | comentar | favorito

.O Autor

Todas as Quintas o humorista Guilherme Fonseca publica um novo texto!

.textos recentes

. #2.42 - Ponto final. Pará...

. #2.41 - abstenho-me

. #2.40 - game on!

. #2.39 - let's talk about ...

. #2.38 - a angústia dos ch...

. #2.37 - grandes porcos

. #2.36 - análises aos exam...

. #2.35 - orgulhosamente ac...

. #2.34 - primeiro dia

. #2.33 - treme treme

.arquivos

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.links

.leituras

Contador de visitas