Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008

#4 - "passagem" para a insanidade

Vou ser honesto, acho que alguns de vocês levam isto da passagem para o novo ano um bocado a sério. As tradições por si só já são um bocado, vá, “estranhas”, e as pessoas ainda as levam a sério. Vocês não levam as pessoas estranhas a sério, pois não? Pronto, devem haver leitores que são da Madeira… esses estão desculpados. Mas tentem compreender a minha posição, não a de estar “sentado”, engraçadinhos, mas a de relutância face à sobrevalorização do “novo ano”.

Primeiro que tudo existem uma espécie de regras ou imposições que se têm de cumprir. Posso nomear, a título de exemplo, as cuecas azuis e a peça de roupa nova. Quem é que achou que isto fazia sentido? Porque o “azul” e porque as “cuecas”? Quem não têm cuecas azuis novinhas em folha passa o ano com motivos para sujar as ditas? É um prenúncio? E porquê, desculpem lá estar a chatear com isto, o azul? Nota-se melhor a sujidade do que se fosse verde ou roxo? Ou sendo que descobrimos este ano o problema de flatulência do Pinto da Costa (muito obrigado, Carolina Salgado) o azul ganha uma nova referência? Desculpem, mas estas razões por si só já são razão para não me meter nesta.

Mas há mais! Acham que a nossa gritante e desnecessária criatividade intrínseca acabava por aqui? Isto ainda vai a prolongamento. Porquê, pergunto eu do alto da minha ignorância e descrédito, se salta de um sofá? Vamos com calma, vocês que passaram o ano ontem e saltaram de um sofá, fizeram-no porquê? Querem iniciar uma carreira de “salto de paraquedas” este novo ano e acharam que essa era a melhor forma de começar? Ou será isso uma metáfora “maluca” de “saltar para o novo ano”? É que se é, também estão a juntar a essa obra linguística uma pegada gigantesca num maple que teram de limpar no dia 1… e há ainda alguns indivíduos que fazem este salto, este “leap of faith” enquanto, e preparem-se aqueles que desconhecem esta prática, a baterem com tachos e panelas fervorosamente fazendo um barulho do caraças? Explicaram-me, com calma e paciência porque perguntas e gramas de álcool no sangue não me faltavam, que o bater dos tachos, o barulho, é para afastar o ano de 2007 quando se entra no ano de 2008. (pausa para admirar a comicidade da explicação, verídica diga-se) Para afastar o “ano passado”? Que é que se passa com vocês? São assim tão egocêntricos que acham que o ano de 2007 quer passar para 2008 com vocês? E se assim é porque os tachos e a barulheira e não uma ordem do tribunal?

Para acabar tem-se a “piéce-de-resistence”, que para mim compõe o quadro da maneira mais ridícula possível. Há ainda outros estranhos seres-humanos que comem 12 passas ou uvas ao ritmo das badaladas, enquanto pedem os seus desejos. Esta tarefa é bastante simples por si nas primeiras 3 ou 4 badaladas mas ao fim de umas 7 aquilo que era uma pessoa transforma-se então num esquilo que prepara a hibernação. De bochechas cheias este “alarves” pedem desejos. Ponham 9 uvas na boca e ouçam-se falar! A dicção de alguém que mastiga 2 toneladas de comida é muito pouco clara, portanto se fosse eu a realizar os vossos desejos eu dava-vos um estalo, punha-vos de castigo e mandava-vos mastiga de boca fechada e depois falar com calma.

Olhem bem para vocês, de cuecas azuis, novas mas já a puxar para a sujidade, em cima de um sofá aos saltos, com tachos e panelas a fazer um berreiro do caraças enquanto tentam falar de boca cheia? Vocês devem querer é um ano novo numa Instituição branquinha, fechada ao público e com umas camisas esquisitas, devem…     

publicado por Guilherme Fonseca às 14:29
link do post | comentar | favorito

.O Autor

Todas as Quintas o humorista Guilherme Fonseca publica um novo texto!

.textos recentes

. #2.42 - Ponto final. Pará...

. #2.41 - abstenho-me

. #2.40 - game on!

. #2.39 - let's talk about ...

. #2.38 - a angústia dos ch...

. #2.37 - grandes porcos

. #2.36 - análises aos exam...

. #2.35 - orgulhosamente ac...

. #2.34 - primeiro dia

. #2.33 - treme treme

.arquivos

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.links

.leituras

Contador de visitas